[Livro] A torre acima do véu - Roberta Spindler

Essa obra ficou parada em minha estante por um período vergonhosamente longo. Eu nem sei explicar o motivo desse descaso - talvez desorganização, sei lá - mas o fato é que esses dias resolvi separar minha pilha de LIVROS PARA LER e eis que o encontrei. Agora vou me redimir.



Sinopse: Quando uma densa e venenosa névoa surge misteriosamente, pânico e morte tomam conta do planeta. Os poucos sobreviventes se refugiam no topo dos megaedifícios e arranha-céus das megalópoles. Acuados, vivem uma nova era de privações e sob o ataque constante de seres assustadores, chamados apenas de sombras. Suas vidas logo passaram a depender da proteção da Torre, aquela que controla os armamentos e a tecnologia que restaram. Cinquenta anos se passam, na megacidade Rio-Aires, Beca vive do resgate de recursos há muito abandonados nos andares inferiores, junto com seu pai e seu irmão. A profissão, perigosa por natureza, torna-se ainda mais letal quando ela participa de uma negociação traiçoeira e se vê cada vez mais envolvida em perigos e segredos que ameaçam muito mais do que sua vida ou a de sua família.

Classificação

A torre acima do véu é eletrizante do início ao fim. A leitura é fácil e rápida, além de ser muito original, mas o que realmente fascina são os personagens e não pense que a escritora nos poupa de fortes emoções. Roberta é corajosa e audaciosa (espero não encontrá-la muito cedo, ainda sofro com algumas coisas rs).

Pela primeira vez eu li uma distopia que não estava entupida de romance sofrido e mocinhas tristes de coração partido. Também não temos o cara musculoso e arrogante que não sabe nem ir ao banheiro sem ser sexy... (Obrigada por isso, Roberta). Nessa obra o foco são os problemas enfrentados em um mundo destruído, e na luta contra novos seres criados pela inalação da tal névoa.


Logo que peguei a obra pensei que seria um livro de zumbis. Pessoas inalando a névoa se transformavam e monstros assustadores e eram chamados de Sombras. Deduzi que eram zumbis, mas me enganei e adorei o que descobri.

O que são aquelas sombras?! Meu Deus são aterrorizantes e eu juro que trouxe um ar de The Walking Dead para a minha cabeça, cheio de ação, sustos e correria (mas lembre-se, não são zumbis, não mesmo).

Como o nome da obra já diz, uma névoa tomou conta do mundo, obrigando as pessoas a viver nos andares mais altos dos prédios. Quem tem contato com ela, vira Sombra ou morre, e por isso uma nova sociedade se forma na nova superfície do planeta, muito (muito) acima do chão. Ninguém se arrisca descer os andares dos prédios e para isso precisam de pessoas especializadas, que estão dispostas a enfrentar os Sombras (e alguns animais mutantes e terríveis) para buscar alimentos e tudo mais que ficou na parte de baixo do mundo.

É aqui que entra Beca e sua família. Junto de Lion e Edu - família adotiva pós apocalipse - formam um grupo de resgate que trazem coisas para as pessoas e também para a Torre, local de onde saem as ordem e regras para essa nova sociedade. Além desses personagens conhecemos (o meu preferido) Rato, um Hacker malandro e mentiroso que adora tirar vantagem dos outros e que de alguma forma consegue tudo que quer. Ele vende informações e indica locais específicos de itens raros e nem sempre são locais seguros.


Mas para esclarecer melhor, quero dizer que a Torre faz aquele papel de governo sabe? Em dado momento você entende o porquê de tantas regras e punições, porque manter a ordem em um mundo devastado não parece tarefa fácil, mas ao longo dos paginas, fica difícil não tomar partido. O livro não fala claramente nem que sim e nem que não e isso cabe a você decidir. 

O bacana dessa obra é que alguns desfechos ficam para nossa imaginação. Desfechos que eu gostaria demais de ler um pouco mais, mas que foram muito bem finalizados. Não tenho reclamação a fazer desse livro e por isso classifiquei com 5 estrelas. Acredito que foi na medida certa para uma introdução e com certeza caberia mais vários volumes aqui, contando a história de outros (novos ou antigos) personagens, mas este está perfeito.

Quem sabe? Olha o pedido aqui Roberta!!!

Adorei a ideia de fazer uma mistura entre o português e o espanhol. Já que as barreiras do mundo que conhecemos caíram, nada mais justo do que misturar raças. As palavras são muito bem misturadas no texto e no final eu já gritava "MIERDA" quando algo me aborrecia.

Roberta Spindler é escritora de outra obra, resenhada aqui - Contos de Meigan, mas devo confessar que esta segunda roubou bem mais o meu coração. Como parceira do Blog desde o começo, a autora disponibilizou um exemplar para sorteio, portanto fiquem ligados que em breve teremos uma promoção à altura dessa história. 

Gente, me arrependo tanto de ter demorado com essa leitura que gostaria de convencer todos vocês do quanto ela é boa só para me redimir. Sério, leiam!!!

Não sei se você já prestaram atenção, mas a obra ganhou uma capa nova:


Essa será a do sorteio. A minha é a antiga - Tanto faz, as duas são lindas. Fiquem de olho, em breve teremos promoção \O/


25 comentários

  1. Caraca, Camila! Adoro este tema... vc despertou minha curiosidade... rsrsrs... Vou esperar o sorteio, pois vou participar... caso não ganhe, quero comprá-lo... rsrsrs

    livros terapias / Fan page

    ResponderExcluir
  2. Adorei a premissa!!!
    E vou esperar a promoção o/ Ihuuu!!

    Beijinhos :*
    http://sankasbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde!

    Olha tá rolando um lindo sorteio de Natal em meu blog e ficarei muito feliz se você vier participar, se já está participando, favor desconsiderar...

    http://kesartesemimos.blogspot.com.br/2015/10/sorteio-em-parceria-com-spezia-temperos.html

    ResponderExcluir
  4. Olá ^^

    Essa distopia parece ser ótima! E bem diferente por causa da torre e da névoa, muito bom não ter romances nonsense e personagens sexys rsrs

    Beijos,

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Parece muito interessante, Camila. O cenário me lembra "Androides Sonham com Ovelhas Elétricas?", com os prédios abandonados cheios de poeira e "bagulho". Bom saber que esse livro foi escrito por uma mulher. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi Camila!
    Tenho muita curiosidade em ler esse livro. Faz um tempão que ouço boas críticas sobre ele! Com a nova edição agora, vou ver se consigo adquirir na Black Friday *-*
    Amei essa inovação em ter uma névoa sinistra transformando as pessoas em seres medonhos. Quero ler mais ainda!
    Ótima resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    http://www.queriaestarlendo.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ameiiiii! Sobre essa resenha, juro como não conhecia esse livro. Porém já adorei logo de cara pela capa e agora, sabendo só que se trata. Me apaixoneiiii! Vou colocar logo na listinha do Black Friday!

    Visita lá! Se seguir deixa um comentário c o link do seu p eu rtb -> http://meninadalivraria.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Não sou muito fã de distopias mas já curti esse por não conter a moça sofrida e o bonitão sempre sexy rs Sua resenha me lembrou muito um conto do Stephen King chamado O Nevoeiro. Nele uma densa névoa cheia de monstros aparece na cidade e parte da população fica presa dentro de um supermercado.
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas | SORTEIO 250 SEGUIDORES! NOS SIGA E PARTICIPE :)

    ResponderExcluir
  9. Oii
    Eu não conhecia esse livro e a história parece ser interessante e diferente
    e fiquei curiosa para conhecer mais sobre essas sombras pois achei interessante
    e ambas as capas são bonitas.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi! Tudo bem?

    Meu. Deus. Caramba, já vi esse livro algumas vezes pelas redes sociais, mas agora necessito colocá-lo na minha lista de futuras leituras! Sério, realmente preciso! A história parece carregar uma originalidade ímpar e um clima super incrível de ação. Necessito!

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Opaaa, acho que vou ter que fazer uma compra na BF rsrsrs. Nossa esse livro parece mesmo ser show, é primeira resenha dele que leio e fiquei muito curiosa com relação as sombras.
    Beijão
    Lilica - O maravilhoso mundo da leitura

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Eu não vejo problema nenhum quando as distopias tem romance. Mas gostei da sinopse desse livro!
    Outra distopia que não tem romance mas que é muito boa é Jogos Vorazes. Quem vê de fora acha que não passa de um triângulo amoroso. Mas quem conhece a estória sabe que romance é o que menos tem nos livros.. haha


    Beijos
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Camila!
    Tenho a impressão de já ter visto esse livro antes.
    Já gostei de saber que a autora não forçou um romance desnecessário na trama. Eu realmente não sei porque ultimamente todo cenário distópico tem que ter uma história de amor (quase sempre em formato de triangulo amoroso) no meio. Vemos tantos romances por aí e as questões levantadas pelas distopias podem ir tão além, não é?
    Acho que o mais interessante é mesmo ver como os personagens se sentem diante daquela situação do que descobrir o que são as tais sombras.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Adorei,já estou ansioso para chegada desses livros que receberei da sua promoção kkkk.

    ResponderExcluir
  16. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais curiosa em conferi essa história que parece mesmo ser ótima.

    ResponderExcluir
  17. Já me chamou a atenção logo pela capa que achei linda. O tema e o desenrolar da história parece-me ser ótima e sua resenha só serviu para aguçar ainda mais minha curiosidade. Espero ler em breve.

    ResponderExcluir
  18. Camila!
    Fico bem orgulhoso em ver as obras nacionais se destacando.
    Gosto muito de distopia e essa com névoa,monstros, transformação, A Torre comandando, é até um tanto inusitada.
    Fiquei bem curiosa por descobrir o está atrás dessa tal névoa.
    “Não esqueça que Natal não é do Papai Noel tão pouco para ganhar presentes materiais, mas é a data que recebemos o melhor presente para nossa existência, Jesus!” (Rogério Stankewski)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  19. Adorei as resenhas, fiquei muito interessada em ler!
    Participando da Promoção Natal Brasuca!
    E-mail para contato: juliana_lu@hotmail.com

    ResponderExcluir
  20. Adorei esse livro, nunca tinha ouvido falar mas me lembrou muito um filme que eu assisti e agora estou louca pra ler *-*

    ResponderExcluir
  21. Emocionante este livro muito suspense e perigos e fiquei fascinado com esse mundo pós nevoa os personagens tem de ser fortes para sobreviver em um mundo assim gostei adorei.

    ResponderExcluir
  22. Camila do céu, ate hoje não havia lido nenhuma resenha dele, mas já havia o adicionada em minhas duas listas (a loka kk), agora serio, nunca imaginei querer tanto que tivesse mais livros, so um para uma historia mara dessas é muuuuito pouco, espero que para compensar saia filme, já estou agoniada em ficar so no livro (isso porque ainda não li, imagine quando). Agora, preciso saber o que eles tornam logo, se não é zumbi, não consigo imaginar o que.

    BJsss

    ResponderExcluir
  23. Caramba! Já tinha visto algo sobre esse livro, mas foi a primeira resenha que li. Antes que eu me esqueça, ambas as capas são lindas, mas prefiro a primeira rs
    Enfim, que ótimo uma distopia que não tem romancezinho meloso, menina frágil e cara fortão e sexy (nada contra o Quatro...)
    Fiquei muito interessada na obra! Vou até adicionar o livro na minha estante do Skoob. Parece bem original. Parabéns para a autora.

    Beijos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...