Sob a redoma – Stephen King




Uma obra prima!

950 páginas descrevem uma semana turbulenta da cidade de Chester´s Mill. Uma semana decisiva para as pessoas que lá vivem e para o que lá estão sendo forçados a ficar e principalmente para o que eles acreditam e defendem.

Um dia qualquer amanhece na pequena cidade onde todos os moradores se conhecem e torcem pelo mesmo time, Chester´s Mill é uma típica cidadezinha do interior dos Estados Unidos, o cenário preferido de Stephen King para seus livros. A história começa em um dia normal com seus problemas e compromissos. Não passaria disso se não fosse por um e apenas um problema.

Uma redoma invisível a olhos humanos se instalou ao redor da cidade toda, a isolando do resto do mundo. Quem está dentro não sai e quem está fora não entra. Aviões, carros, pessoas e animais chocam-se no campo de força invisível e ninguém consegue explicar de onde surgiu e nem quando sumirá.

Nesses acontecimentos vemos famílias, amigos e visitantes separados por estarem em lados diferentes na hora que a redoma apareceu e começa aí um drama nunca antes visto. E no cenário mais típico de Stephen King encontramos animais partidos ao meio, pessoas mortas em acidentes e muito desespero.



Entre os protagonistas está Dale Barbara, um veterano da guerra no Iraque com nome de mulher e conhecido pelos mais próximos por Barbie e a atrevida jornalista Julia que herdou o único jornal da cidade e conhece bem a história de cada cidadão que ali vive.

Com o passar do tempo a Redoma se torna só mais um dos problemas porque o poderoso Big Jim, um político corrupto, capaz de qualquer coisa e que se esconde atrás de uma personalidade inventada de bom cristão em parceria com seu filho delinquente Junior – um verdadeiro psicopata - decidem “tomar conta” da cidade que obviamente se encontra fragilizada.

O casal de amigos se une a outros cidadãos da cidade como o enfermeiro Rusty e sua esposa Linda que é policial. Também no grupo podemos encontrar Rose, dona do restaurante Rosa Mosqueta onde Barbie trabalha e *** esposa do falecido chefe de polícia Brenda Perkins, além é claro da terceira vereadora da cidade Andrea, uma viciada em remédios por causa de uma forte dor nas costas.

Um trio de adolescentes também faz toda a diferença na história, Norrie, Benny e seu líder Joe o espantalho – um garoto extremamente inteligente - ajudam mesmo que com pouca idade a manter a cidade sob controle quando Big Jim parece incitar o caos ao invés de ajudar na ordem como promete sempre.


Como toda história do escritor conhecido como um dos mestres do horror, aqui o caos é vivido intensamente. Os habitantes chegam ao seu limite, expondo seus medos e ambições até então reprimidas e causando cada vez mais intrigas que se enraízam na história de cada um. A crueldade humana é facilmente libertada quando as pessoas se sentem acuadas como estão e esse é um dos maiores problemas para nosso grupo de protagonistas.

O grande ápice da história, o PORQUÊ de tudo nos coloca para pensar e infelizmente me fez ver que em situações extremas o cenário de terror e pânico que Stephen king apresentou com seu livro está próximo da realidade que poderia acontecer em nossas vidas reais em uma situação semelhante a esta.

As personalidades e o psicológico que o escritor retrata de cada cidadão de Chester´s Mill é incrível. King retrata cada cena com total maestria de detalhes que muitas vezes me vi dentro da redoma e ao lado dos personagens.

É um livro impossível de largar e que possui páginas que se viram rapidamente. Para mim não teve defeito algum e mais uma vez posso assegurar que ler Stephen King é diversão garantida sempre. Eu gostaria de fazer uma resenha melhor, contando um pouco mais dos absurdos que aconteceram na cidade, das atrocidades que os cidadãos foram capazes de fazer uns aos outros, mas qualquer coisa a mais que eu conte talvez pudesse estragar a surpresa de quem irá ler e isso é o melhor da história.



Só lembrando que esse livro está sendo adaptado para a televisão e virá a ser uma série dirigida pelo maravilhoso Steven Spielberg cujo lançamento está marcado para o dia 24 de junho. Nos próximos dias irei dando notícias dos personagens escalados para a trama.

Aguardem e leiam o livro, vale a pena!

13 comentários

  1. A apresentação está massa. Despertou-me. Lerei ou verei nos filmes? Rsrs...

    Já li Stephen King, viu? Não sou um caso totalmente perdido.

    Beijo, Camilinha.

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bom?
    Amo o King e estou louca pra comprar Sob a Redoma!
    Adorei o post!
    Tem post novo lá no blog!
    Beijão
    endless-poem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. King me gusta mutcho! Mais no "escrito" do que nos "adptados"!!! Com certeza vou devorar este aí em breve. Ótima dica! E "sunga de coração" é #tudonessavida, minha filha! Hahahahaha! Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Já li muito, mas com essa dica me deu vontade de voltar ao escritor. Uma redoma sobre uma cidade. Acho que há uma redoma sobre o planeta...

    Um abraço e obrigada pela resenha!

    ResponderExcluir
  5. Camila, adorei a dica. Impossível não ler e sua resenha foi perfeita. Parabéns.
    Beijos
    Manoel

    ResponderExcluir
  6. oi Camis,

    ler o que você escreve,
    desperta e aguça a minha curiosidade,
    e a minha vontade de ler...
    menina danada você...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Vou te confessar que eu nããããããão tinha tanto interesse nesse livro, mas agora estou looooouca pra comprar. Não li nada do Stephen, mas tenho dois livros dele aqui e estou tentando ter tempo para lê-los, já que são enoooooooooormes.

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  8. Olá Camila,

    Gosto muito dos livros de Stephen King, pois sou muito 'ligada' a um suspense (desde que seja na ficção, claro-rsrs).

    Sua resenha está perfeita e instiga a leitura do livro. Não perderei a série, com certeza.

    Valeu a dica.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Junho deste ano, Camila? Tenho que assistir. Seu texto ficou ótimo. Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Os livros do Stephen King são sempre envolventes(ás vezes, assustadores demais...rs)mas impossíveis de largar!!rs
    Não é atoa que ele é o mestre do terror...rs
    Este parece ser bem instigante!!
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  11. Anoto a indicação! Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  12. Já li quase todas as obras dele. É de uma criatividade encantadora. O terror que existe em seus livros nada tem a ver com aqueles, meio tolos, de alguns filmes. Gostei de sua resenha, pois deixou na obscuridade os principais fatos que envolvem o suspense. Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Não li o livro, mas tô muito, muito, muuuuito interessada pra ver a série. Deve ser o pipôco! =D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...